Estudo : Autistas vêm os rostos de formas diferentes

Um estudo realizado pela Universidade de Montreal, no Canadá, concluiu que o facto de os autistas não conseguirem analisar expressões faciais, interfere na forma como interagem com os outros.
Mundo Autistas vêm os rostos de formas diferentes.

18:11 – 26 de Novembro de 2014 | Por Noticias Ao Minuto

Pessoas que sofrem de autismo vêm as faces de forma diferente. A conclusão é de um estudo canadiano que revela que deve ser por este motivo que estes têm dificuldade em fazer julgamentos perante expressões faciais.

As perceções variam de pessoa para pessoa, mas este facto pode agora explicar a forma como estes interagem e comunicam socialmente. O Daily Mail refere, inclusivamente, que esta conclusão pode ajudar amigos, familiares e técnicos de saúde a interagirem com estas pessoas.

O estudo foi feito com base em 33 pessoas com autismo e outras 33 sem esta patologia. Estes foram confrontados com 36 fotografias de pessoas com expressões emocionalmente neutras e o que se verificou foi que as pessoas com autismo faziam julgamentos bastante diferentes das expressões que lhes eram apresentadas, em comparação com o outro grupo de pessoas, que apresentava uma mesma perceção sobre as diferentes fotografias.

“A avaliação da expressão de uma pessoa é um processo rápido que influencia a forma como pensamos e o julgamento que fazemos acerca de outra pessoa”, refere um dos autores do estudo, que acredita “que estas descobertas ajudarão a perceber qual a melhor forma de interação com pessoas com autismo”.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s